O que pode levar na bagagem de mão voo internacional?

Redação Nãovoei.com
Redação Nãovoei.com - 27 de maio de 2019

Uma das dúvidas mais recorrentes de quem vai arrumar as malas para fazer uma viagem internacional é: o que pode levar na bagagem de mão voo internacional? É muito importante saber o que é permitido para que, ao passar pelo raio-x, você não tenha que deixar alguns itens para trás, já que o passageiro não tem mais acesso à bagagem despachada para realocar os itens que não são autorizados a transportar na cabine.

Neste post, vamos citar algumas das principais informações sobre a bagagem de mão: peso e tamanho da bagagem, o que pode levar na bagagem de mão voo internacional, as exceções para passageiros incapacitados e crianças, e algumas diferenças entre a bagagem despachada nos voos nacionais e internacionais.

Dimensões e peso da bagagem de mão

Desde o dia 25 de abril, os aeroportos de Confins (Belo Horizonte), Juscelino Kubitschek (Brasília), Guararapes (Recife), Viracopos (Campinas/SP), Aluízio Alves (Natal), Val-de-Cans (Belém), Pinto Martins (Fortaleza) e Afonso Pena (Curitiba) colocaram em prática uma nova regra sobre as bagagens de mão.

Antes de entrar na área de embarque de alguns aeroportos, os passageiros devem conferir se o tamanho e peso da bagagem estão de acordo com o que foi definido pela maioria das companhias: 55 x 40 x 20 centímetros na Avianca e Azul; 55 x 40 x 25 centímetros na GOL; e 55 x 35 x 25 centímetros na LATAM; com o limite máximo de 10 quilos. Na LATAM, o peso máximo na classe econômica é de oito quilos.

As bagagens que tiverem medidas acima do padrão terão que ser despachadas. Além disso, o despacho poderá ser cobrado de acordo com a tarifa adquirida pelo passageiro, conforme alertou a Associação Brasileiras das Empresas Aéreas (Abear).

O que pode levar na bagagem de mão voo internacional

Após verificar se a mala está dentro do padrão, é hora de começar a selecionar o que pode levar na bagagem de mão voo internacional e na bagagem despachada. Por questões de segurança do voo e dos passageiros, as normas internacionais listam quais itens são permitidos no transporte aéreo.

A bagagem de mão é a bagagem que o passageiro tem direito de levar com ele, além da bagagem despachada. Pode ser uma mochila, bolsa ou mala com pertences pessoais como cosméticos, remédios, aparelhos eletrônicos, e itens de valor como joias, dinheiro, entre outros.

No momento do check-in, a bagagem de mão vai ser medida e pesada e, se não estiver de acordo com as medidas e peso padrão, terá que ser despachada. Estando de acordo, a bagagem passará pelo raio-x antes do embarque e poderá também passar pela inspeção da polícia. Ao chegar ao avião, a mala deve ser guardada debaixo do assentou ou no compartimento de bagagem.

A lista a seguir apenas apresenta alguns exemplos do que pode levar na bagagem de mão voo internacional, mas os itens podem variar conforme a companhia aérea e o país para onde você vai viajar. Além disso, os agentes de segurança do aeroporto podem solicitar que qualquer item seja retirado de sua bagagem de mão ou despachada. Nesse caso, o item terá que ser descartado.

O que pode levar na bagagem de mão voo internacional: líquidos

Todos os líquidos têm que ser transportados em embalagens de até 100 ml cada. Na lista entram óleo de banho, loção hidratante, enxaguante bucal, pasta de dentes, gel, removedor de maquiagem, loção de limpeza facial, tônico de limpeza, shampoo, condicionador, spray para cabelo, sabonete, gel, cremes, gloss, base líquida, rímel de base líquida, entre outros. A dica é comprar vários frascos de plástico de 100 ml em lojas de embalagens e reservá-los para as viagens. Há kits de viagem que podem ser adquiridos em farmácias e lojas em geral que incluem uma embalagem plástica (nécessaire) e vários frascos de até 100 ml cada.

Se o viajante despejar 100 ml de um líquido em uma embalagem superior a 100 ml, o frasco não poderá ser transportado porque o que é levado em conta é a capacidade da embalagem e não a quantidade de líquido que ela contém.

Os frascos devem ser mantidos em uma embalagem de plástico transparente, como um nécessaire, com dimensões de até 20 por 20 cm, fechamento hermético (tipo ziplock), capacidade de até um litro e deve sobrar espaço dentro da mesma. Essa embalagem tem que ser apresentada na inspeção de embarque de passageiros.

O transporte de itens proibidos ou considerados perigosos não é permitido.  São eles: tóxicos, inflamáveis ou que estejam contaminados.

Restrição à quantidade de líquidos

Nos seguintes casos não há restrição à quantidade de líquidos:

  • Artigos medicamentosos líquidos

Para isso, é necessário que o passageiro apresente a prescrição médica, em via física ou digital, quando passar pela inspeção de segurança.  Com isso, ele poderá transportar a quantidade necessária de medicamento que ele vai usar durante o voo, incluindo escalas (quando houver).

  • Líquidos comprados a bordo da aeronave ou em free shops

Podem ter mais de 100 ml, mas devem ser transportados em embalagens plásticas padronizadas seladas e o recibo da compra precisar estar à mostra.

  • Alimentação de bebês (pastosa ou líquida) e líquidos de dietas especiais

Assim como os medicamentos, o alimento pode ser levado na quantidade necessária que será usada no período total do voo (eventuais escalas incluídas) e deverão ser apresentados durante a inspeção de segurança.

  • Bebidas alcoólicas

As bebidas podem ser levadas na bagagem de mão ou despachada, desde que não contenham teor alcoólico superior a 70% e estejam armazenadas em embalagem de varejo. Lembrando que o limite de 100 ml para bagagem de mão deve ser respeitado, exceto, como já mencionado, se a bebida foi adquirida em free shops. Mesmo que a bebida tenha sido adquirida em free shops, só poderá ser transportada se o teor alcoólico for entre 24% e 70%.

O que pode levar na bagagem de mão voo internacional: itens pessoais

O que pode levar na bagagem de mão voo internacional

  • documentos (identidade, passaporte, passagens), dinheiro, chaves;
  • revistas, livros, jornais e impressos para leitura durante a viagem;
  • remédios com prescrição médica (quantidade suficiente apenas para uso durante o voo);
  • aparelhos eletrônicos como celular, e-reader, tablet, máquina fotográfica e notebook. Carregadores, baterias para aparelhos de até 100 Wh, caixa de fósforos de segurança com até 40 palitos (apenas pode ser transportado no bolso);
  • bengala, instrumentos musicais (que possam passar pelo raio-x), guarda-chuva e sombrinhas não pontiagudos;
  • lápis, lapiseiras e canetas com tamanho menor que 15 cm;
  • fones de ouvido;
  • sapatos de salto alto;
  • removedor de esmaltes (com exceção de inflamáveis) ou esmaltes;
  • biscoitos, bolos, bolachas, chocolate, salgadinhos, nozes, barras de cereal;
  • iogurte (em embalagem de até 100 ml);
  • molhos e temperos orientais líquidos (100 ml);
  • temperos em pó, cremes à base de amido, sopas.

O passageiro tem direito de levar, além da bagagem de mão, um item pessoal como: pasta de trabalho, bolsa pequena, bolsa de câmera, notebook, cobertor, manta, casaco, sobretudo, muletas, sombrinha e guarda-chuva. O item deve obedecer às dimensões de, no máximo, 45 cm x 35 cm x 20 cm. Algumas companhias contam o carrinho de bebê como item pessoal.

Em alguns países é proibida a entrada de alimentos não industrializados e frescos como queijos, frutas, verduras, carne embalada, embutidos, carnes e patês enlatados.

Itens que não podem ser transportados na bagagem de mão em voo internacional

A lista a seguir contém apenas alguns exemplos de itens que não podem ser levados na bagagem de mão:

  • lâmina de barbear, navalha, lâminas e depiladores elétricos;
  • produtos de limpeza que contenham substâncias que podem oferecer perigo ao transporte aéreo, como água oxigenada, soda cáustica ou cloro;
  • armas de choque elétrico;
  • cartuchos geradores de fumaça ou botijões;
  • dispositivos como cilindros que contenham oxigênio líquido;
  • cloro para banheiras e piscinas;
  • cilindros de gás comprimido, inflamáveis ou não (exceto extintores de incêndio e cilindros de oxigênio);
  • combustível para acampamento (incluindo combustível sólido, nafta, propano, fogões contendo combustível, entre outros);
  • refil para isqueiro ou combustível;
  • estopins e detonadores;
  • pólvora, dinamite, fogos de artfício, explosivos plásticos e outros artigos pirotécnicos;
  • álcool e demais líquidos não adquiridos no free shop;
  • alicates de cutícula, cortador de unha, lixas, pinças;
  • armas de fogo;
  • animais, plantas e seus derivados;
  • materiais biologicamente infecciosos ou perigosos como bactérias, amostras de sangue infectado ou vírus;
  • baterias com líquidos corrosíveis derramáveis (com exceção de baterias para uso em cadeiras de rodas e outros equipamentos que ajudem na mobilidade equipados com baterias);
  • sólidos inflamáveis como ácido pícrico, naftaleno, enxofre, refinado, paraformaldeído e nitronaftaleno;
  • substâncias infecciosas e venenosas (tóxicas) como inseticidas, arsênio, desfolhantes e cianetos;
  • substâncias sujeitas a combustão espontânea como anidro, carvão ativado, sulfeto de sódio anidro, sulfato de potássio, metóxido de sódio e tributilfosfano;
  • agulhas de crochê e tricô;
  • bisturis, tesouras e facas;
  • agulhas e seringas;
  • saca-rolhas e picadores de gelo;
  • desodorantes em aerossol;
  • ferramentas de trabalho como furadeira, broca, pé de cabra, martelo, dispositivo de alarme, chave de fenda, maçarico, marreta e pistola de prego;
  • materiais magnéticos.

Restrições de material pulveroso

Desde o dia 30 de junho de 2018, novas regras da TSA restringiram o transporte de produtos em pó nas viagens com destino aos Estados Unidos. Os produtos em pó em embalagens superiores a 350 ml não podem ser transportados em bagagem de mão, somente na bagagem despachada.

O que pode levar na bagagem de mão voo internacional: passageiros incapacitados

Os passageiros que dependem dos seguintes itens podem levá-los como bagagem de mão: muletas, aparelho ortopédico, cadeira de rodas desmontável (apesar de fazer parte da franquia da bagagem de mão, ela é transportada no porão da aeronave).

O cão-guia também pode ser transportado gratuitamente na cabine junto ao dono, de maneira a não bloquear o corredor da aeronave. A identificação do cão-guia e a comprovação de seu treinamento devem ser apresentadas. Além disso, o cão tem que estar equipado com arreio e focinheira (opcional).

Para viajar acompanhado do cão-guia, é necessário entrar em contato com a empresa aérea com antecedência para verificar todos os documentos exigidos e tomar as providências. Depois, é só chegar ao aeroporto horas antes do voo para cumprir as regras e poder embarcar com o animal.

O que pode levar na bagagem de mão voo internacional: crianças de 2 a 10 anos

As crianças de 2 a 10 anos têm direito à bagagem de mão de até 10 quilos.

Crianças que ainda não têm 2 anos completos não têm direito à bagagem despachada, mas podem levar uma cadeirinha, bebê conforto ou um carrinho de bebê dobrável na cabine.

Confira a lista completa de o que pode levar na bagagem de mão voo internacional no site da Anac.

Bagagem despachada em voos internacionais e nacionais

A bagagem despachada nos voos nacionais e internacionais deve ter no máximo 23 quilos e até 158 cm lineares na Azul, GOL, LATAM e Avianca. As franquias para bagagem despachada, o peso, quantidade de volumes e dimensões permitidos variam de acordo com cada companhia aérea, cada tarifa e devem ser observadas na hora da compra da passagem.

O valor da bagagem despachada em voos nacionais pode variar entre R$ 59 e R$ 120 para a tarifa mais barata. Já em se tratando de voos internacionais, a Azul, LATAM e Avianca têm pelo menos um volume incluído na tarifa. A GOL cobra entre R$ 60 e R$ 120 por cada volume.

Na bagagem despachada é permitido o transporte de líquidos como cremes, enxaguantes bucais, shampoos e demaquilantes em suas embalagens originais.

Alguns itens cujo transporte também é proibido na bagagem despachada e no porão do avião

  • iniciadores de fogo, Material explosivo ou inflamável, substância tóxica e química, botijões de gás butano ou propano e lanternas a gás;
  • spray paralisante, extintor de incêndio, venenos e gases comprimidos.

Agora que você já sabe o que pode levar na bagagem de mão voo internacional e não vai se confundir na hora de fazer as malas, entenda o que fazer quando a bagagem é extraviada!